I Can See You
As minhas músicas, os meus pensamentos, as minhas reflexões...
26 de Agosto de 2012

Uma música que tem uma letra e melodia linda.

 

Por vezes, temos a esperança de que as coisas voltem a ser como dantes. Por isso, sonhamos que um dia regressamos a casa e as coisas não tinham mudado. Pois agora já não nos sentimos em casa, pois a pessoa que amamos já lá não está. E esperamos que um dia, sejamos fortes novamente e levantemos a cabeça.

 

Já nos disseram para esquecer o passado, pois apenas nos confunde a mente e nos faz ficar velhos. Por isso, fechamos os olhos e tentamos seguir em frente sem olhar para trás. Mas por mais que tentemos, continuamos a sentirmo-nos perdidos e temos esperança de que os nossos caminhos voltem novamente a cruzar-se no futuro. E é esse réstia de esperança de que um dia voltaremos a trazer um sorriso aos seus lábios.

 

 

"Home again

Home again

One day I know I'll feel home again

Wrong again Wrong again

One day I know I'll feel strong again

And lift my head...

 

Many times I've been told

All this talk Will make you old

So, I'll close my eyes

Won't look behind

Movin' on Movin' on

So I'll close my eyes

Won't look behind...

 

Lost again 

Lost again

One day I know Our paths will cross again...

 

Smile again

Smile again

One Day I hope I'll make you smile again

And I won't hide..."

 

 

 

publicado por Matt Xell às 19:09 link do post
19 de Agosto de 2012

Uma música de um dos meus músicos favoritos da actualidade.

 

Por vezes não conseguimos esquecer o passado. Há dias em que queremos estar embriagados, por forma a não termos de encarar a realidade.

Não acordamos na cama junto da pessoa que queríamos, pois no passado inventámos uma desculpa em vez de lhe dizer a verdade. Fizémos a coisa mais fácil, pois não tivemos coragem, mas isso apenas fez com que nos separássemos ainda mais.

 

A relação que terminou acabou por nos marcar. E às vezes, ainda sentimos o cheiro do baton dela na nossa face e recordamos o que perdemos. E estamos melancólicos, pois sabemos que nunca mais iremos segurá-la nos nossos braços como dantes.

 

E sentimos a nossa casa fria sem a presença dela para nos aquecer. Pois ela aquecia o nosso coração e completava as nossas frases naturalmente, pois era a pessoa que nos conhecia melhor no mundo. Queríamos segurar o coração dela nas nossas mãos,

E quando não temos planos, queríamos estar junto dela, nem que fosse como amigos apesar de saber que ela já não nos ama como no passado.

E isso acaba por nos queimar o coração e o facto dela não estar connosco não nos ajuda a ficar curados.

 

Sabemos que não podemos corrigir o que fizemos no passado apenas com um aperto de mãos.  Pois é difícil para nós mudarmos. Mas aquilo que lhe fizémos no passado fez com que ela nos cortasse da sua vida. 

Estamos arrependidos do que lhe fizémos, mas estamos sozinhos, sem ninguém ao nosso lado. E sabemos que nunca iremos estar juntos, pois nunca iremos mudar. E só queremos embriagar-nos para não pensarmos nessa situação que nunca conseguiremos ultrapassar.

 

"I wanna be drunk when I wake up

On the right side of the wrong bed

And never an excuse I made up

Tell you the truth I hate

What didn't kill me

It never made me strong at all.

 

Love will scar

your make-up lip sticks to me

So now I'll maybe lean back there

I'm sat here wishing I was sober

I know I'll never hold you like I used to.

 

But our house gets cold when you cut the heating

Without you to hold I'll be freezing

Can't rely on my heart to beat in

'Cause you take parts of it every evening

Take words out of my mouth just from breathing

Replace with phrases like when you're leaving me.

 

I wanna hold your heart in both hands

Not watch it fizzle at the bottom of a Coke can

And I've got no plans for the weekend

So should we speak then

Keep it between friends

Though I know you'll never love me like you used to.

 

There maybe other people like us

Who see the flicker of the clipper when they light up

Flames just create us, burns don't heal like before

You don't hold me anymore.

 

On cold days Cold play's out like the band's name

I knowI can't heal things with a hand shake

You know I can't change as I began saying

You cut me wide open like landscape

Open bottles of beer but never champagne

To applaud you with the sound that my hands make.

 

All by myself I'm here again

All by myself

You know I'll never change

All by myself

All by myself I'm just drunk again

 

I'll be drunk again

I'll be drunk again

To feel a little love."

 

 

publicado por Matt Xell às 18:55 link do post
12 de Agosto de 2012

Uma versão de um clássico que ouvi no X-Factor esta semana.

 

Por vezes, sentimos que estamos presos na nossa vida. E que existe um vazio que não conseguimos preencher. Mas sabemos que dentro de nós cresce um sonho... Sonho esse que estivemos sempre a reprimir, por causa do medo, e que foi sempre ficando num cantinho escondido na nossa mente. Mas agora começamos a sentir algo e começamos a acreditar que podemos concretizar o nosso sonho e que se lutarmos com todas as nossas forças, acabaremos por conseguir o que queremos.

 

Sabemos que temos de mudar. Até agora estivemos a sofrer por dentro, tentando esconder o que realmente sentimos, pois estamos num mundo frio em que temos de lutar para conseguir atingir o que queremos. Sentimos que temos de utilizar a paixão que existe dentro de nós e fazer as coisas acontecerem, enfrentar a nossa vida e transformar os nossos sonhos em realidade. Pois sabemos que a nossa felicidade só depende de nós...

 

 

"First when there's nothing

But a slow glowing dream

That your fear seems to hide

deep inside your mind...

 

What a feeling

Bein's believin'

I can have it all

now I'm dancing for my life...

 

All alone I have cried

silent tears full of pride

In a world made of steel

made of stone

 

Well I hear the music

Close my eyes feel the rhythm

Wrap around

Take a whole of my heart

 

Take your passion

And make it happen

Pictures come alive

You can dance right through your life


Now I hear the music

Close my eyes

I am rhythm

In a flash it takes whole of my heart

 

Take your passion

And make it happen

Pictures come alive

now I'm dancing through my life

What a feeling..."

 

publicado por Matt Xell às 09:00 link do post
07 de Agosto de 2012

Uma versão acústica da música Payphone dos Maroon 5. Adoro esta música, mas esta versão faz-nos reflectir particularmente na letra, que é linda. 

 

Infelizmente, po vezes não estamos com a pessoa que um dia amámos e com a qual achávamos que íamos estar o resto das nossas vidas. Mas as coisas não correram bem e neste momento é-nos difícil recordar os momentos que passámos quando estivemos juntos e as pessoas que éramos nessa altura, pois essas recordações ainda nos fazem sofrer. Pois é impossível imaginar a nossa vida sem ela ao nosso lado...

 

Ela disse-nos que era tarde demais para as coisas voltarem a ser como dantes. Mas nós ainda temos esperança e achamos que não é demasiado tarde para tentar novamente. Desde o momento em que nos separámos, sentimos que desperdicámos o nosso tempo e que a ponte que ligava as nossas vidas começou a destruir-se.

 

Passámos as nossas noites em claro, acordados durante a noite a pensar no que poderíamos ter sido enquanto ela simplesmente apagava as luzes e adormecia tranquilamente. E estávamos presos ao passado, àquele tempo em que em que ela dizia que nos amava. Mas infelizmente, até o sol se põe no paraíso.

 

Por isso, por mais que saibamos que apenas nos irá magoar muito por dentro, tentamos ligar-lhe, sabendo que ela não nos irá atender, pois para ela, a nossa relação já pertence ao passado. E nessa altura, só pensamos no que terá corrido mal e que os nossos planos que fizémos em conjunto para o futuro que nunca mais se irão concretizar.

 

Se ainda estivéssemos juntos, pensávamos que iríamos viver felizes para sempre, e estaríamos juntos ao lado dela a segurá-la com carinho. Mas a vida não é como os contos de fadas e não passam de histórias que nunca se tornam realidade. E as canções de amor que ouvimos na rádio apenas nos fazem ficar agoniados e deprimidos com a nossa vida.

 

Ela virou as costas a um futuro em conjunto e ignorou todo o passado que tivémos. Nós demo-lhes todo o nosso amor mas ela recusou-o e deitou-o fora. Ela não pode esperar que estejamos bem, e sabemos que não podemos esperar que ela se interesse pelo que nos causou... pois sabemos que a ponte que nos ligava acabou por desmoronar-se...

 

"Yeah, I, I know it's hard to remember,

The people we used to be...

It's even harder to picture,

That you're not here next to me.


You say it's too late to make it,

But is it too late to try?

And in our time that you wasted

All of our bridges burned down.


I've wasted my nights,

You turned out the lights

Now I'm paralyzed,

Still stuck in that time,

When we called it love,

But even the sun sets in paradise.


I'm at a payphone trying to call home

All of my change

I spent on you...

 

Where have the times gone,

baby it's all wrong

Where are the plans we made for two?


If "Happy Ever After" did exist,

I would still be holding you like this

All those fairy tales are full of it.

One more stupid love song, I'll be sick

And I''ll be sick...


Oh, you turned your back on tomorrow

'Cause you forgot yesterday.

I gave you my love to borrow,

But you just gave it away.


You can't expect me to be fine,

I don't expect you to care

I know I've said it before,

But all of our bridges burned down..."

 

 

publicado por Matt Xell às 21:18 link do post
My playlists

Update: 10 músicas que transferi recentemente para o meu leitor de mp3

1. David Fonseca - All that I Wanted

2. Maroon 5 - Payphone

3. Taylor Swift - We are never getting back together

4. Fun - Some Nights

5. Michael Kiwanuka - Home Again

6. Christina Perry - A Thousand Years

7. Florence & The Machine - Shake it out

8. Keane- Silenced by the night

9. Gotye - Somebody that I used to Know

10. Awol Nation - Sail

 

Agosto 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31
subscrever feeds
mais sobre mim
Contactos

Perfil Facebook

links
Os meus filmes

Filme Favorito

Clube dos Poetas Mortos

Update: Último filme que vi no cinema...

Patrulha de Barro

Nota: ***

Último filme em DVD que vi...

Os Vingadores

As minhas séries de TV

Série Favorita de todos os tempos

Friends

Update: Séries que estou a ver...

- Sangue Fresco

- A Teoria do Big Bang

- Foi assim que aconteceu

Séries que estou a descarregar da Net...

The Voice- Season 3

Guilty Pleasure

Glee

Os meus livros

Último Livro que li

O mar de Ferro - George R. Martin

Update: Livro que estou a ler

A Rapariga que sonhava com uma lata de gasolina e um fósforo- Steig Larsson

Próximo livro na minha mesa de cabeceira

A Dnça dos Dragões- George R. Martin

blogs SAPO