I Can See You
As minhas músicas, os meus pensamentos, as minhas reflexões...
15 de Abril de 2012

A nova música da Adele tem uma letra linda que retrata uma situação por que todos já passámos.

 

Muitas vezes, no início das relações, parece que duas pessoas são feitas uma para a outra. Mas o tempo faz com que a relação comece a deteriorar-se, pois essas duas pessoas acabam por se conhecer melhor e aperceberem-se após a paixão ter passado que há algumas diferenças que as separam. Assim, mesmo estando juntas, há pequenas coisas no dia a dia que acabam por criar divergências entre ambos passado algum tempo. E os dois discutem cada vez mais por coisas insignificantes e por cada coisa que um diz, o outro acaba por responder sempre e querer ter a última palavra. E esta situação acaba, pouco a pouco, minar a relação. E acabamos por ficar cansada com a outra pesoa, pois deixamos de ter paciência com as reacções intempestivas e sem motivo da outra pessoa. Sentimo-nos presos e custa-nos respirar, pois precisamos de algum espaço...

 

E a partir desse momento, fechamos o nosso coração, pois sentimos que ele está prestes a ser magoado. E sentimos que caso tentemos ignorar as coisas e fingir que tudo continua bem, para salvar a relação, mesmo assim as coisas não se irão resolver e a outra pessoa nos irá desertar. E não podemos dar o nosso coração como dantes, mesmo que a outra pessoa continue a pensar que as coisas estão na mesma. E sabemos no nosso íntimo que é alturar de dizer adeus.

 

Sabemos que já não estamos felizes como dantes. Sabemos que o amor já acabou e reunimos todas as nossas forças para acabar com a relação, pois por mais que a outra pessoa tente, não seremos deitados abaixo novamente, pois já estamos fartos de sermos nós a única pessoa a ter tentado. E sabemos que cabe a nós lutarmos pela nossa felicidade e sabemos o que temos de fazer para continuarmos de pé, no comando da nossa vida.

 


 

 

 

 

"Close enough to start a war
All that I have is on the floor
God only knows what we're fighting for
All that I say, you always say more
I can't keep up with your turning tables
Under your thumb I can't breathe

So, I won't let you close enough to hurt me
No, I won't rescue you to just desert me
I can't give you the heart you think you gave me
It's time to say goodbye to turning tables
To turning tables

Under haunted skies I see you (ooh)
Where love is lost your ghost is found
I braved a hundred storms to leave you
As hard as you try, no, I will never be knocked down, whoa

Next time I'll be braver
I'll be my own savior
When the thunder calls for me
Next time I'll be braver
I'll be my own savior
Standing on my own two feet..."

 

 

 

 

 

publicado por Matt Xell às 09:04 link do post
08 de Dezembro de 2011

Há alturas em que ouvimos uma música e pensamos que é uma fotografia da nossa vida.

Por vezes amamos uma rapariga, que neste momento é feliz com o seu novo namorado. Mas a imagem dela não sai da nossa cabeça todas as noites e por vezes não dormimos pois só conseguimos pensar que ela não está ao nosso lado. E por mais que o tentemos, não conseguimos calar as vozes na nossa mente e a dor no nosso coração.

Mas sabemos que neste momento ela gosta de outra pessoa e que não podemos obrigá-la a gostar de nós e a sentir algo por nós. Por mais que isso nos custe, o coração dela pertence neste momento a outra pessoa. Mas isso não nos impede de continuar a ama-la e deixar o nosso coração à sua mercê.

O pior de tudo é que não podemos dizer-lhe o que sentimos, pois ela é feliz e dizer-lhe qualquer coisa apenas nos faria sentir melhor por termos desabafado e estragar a amizade que temos. Mas não a queremos magoar e queremos que ela seja feliz.

Por isso, tentamos à noite dormir para não pensarmos no amor que ela não sente por nós. Mas sem qualquer sucesso.

Mas temos a esperança que um dia ela comece a confiar a sério em nós e nos conheça melhor e que os sentimentos dela por nós mudem. Não podemos obrigá-la a gostar de nós, pelo que só podemos ter a esperança de que um dia ela perceba que pode ser feliz connosco e que nunca a iremos magoar. E que o coração dela comece a bater mais forte por nós... Mas isso poderá nunca acontecer, pois não podemos obrigar ninguém a amar-nos...

 

 

"Turn down the lights
Turn down the bed
Turn down these voices inside my head

Cause I can't make you love me if you don't
You can't make your heart feel something it won't

Here in the dark, in these final hours
I will lay down my heart and I'll feel the power
But you won't, no you won't
Cause I can't make you love me if you don't.

I'll close my eyes, then I won't see
The love you don't feel when you're holdin me..."

publicado por Matt Xell às 15:40 link do post
06 de Novembro de 2011

Por vezes, existe uma certa rapariga na nossa vida, que nos ouve naqueles momentos mais complicados e que mesmo não o sabendo, ajuda-nos a aguentar e a suportar um período complicado das nossas vidas. Alguém por quem nutrimos sentimentos há alguns anos, mas que nunca dissemos nada por ser comprometida.

E aquilo que nós queriámos era mesmo estar junto dessa pessoa todo o tempo e acordar de manhã junto dela, sabendo que ela era nossa.

Mas infelizmente essa pessoa encontrou recentemente outra pessoa, pelo que sabemos que um dia ela irá acabar por seguir a sua vida com essa pessoa, tal como todas as pessoas que um dia já gostámos na nossa vida. Por isso, escondemos o que sentimos por ela e reprimimos o que o nosso coração quer. Até porque temos medo de nos magoar e de lhe dizer o que realmente sentimos. Algo que lhe queríamos dizer há alguns anos, mas o medo de arriscar foi mais forte, acabando por desperdiçar uma oportunidade.

Mas apesar disso, não conseguimos evitar pensar nela, e naqueles dias de chuva recentes, quando acordamos, sentimo-nos deprimidos e só queríamos que ela estivesse connosco nestes momentos. E pensamos se será mesmo a atitude certa esconder o nosso coração e se não devíamos arriscar.

 

Mas um dia, irá chegar o dia em que nos apercebemos de que não podemos continuar a esconder o nosso coração...

 

"It was in the darkest of my days
When you took my sorrow and you took my pain

And buried them away, you buried them away

And I wish I could lay
down beside you
When the day is done
And wake up to your face against the morning sun
But like everything I've ever known
you'll disappear one day
So I'll spend my whole life hiding my heart away

 

I woke up feeling heavy hearted
I'm going back to where I started
The morning rain
The morning rain
And though I wish that you were here
On that same old road that brought me here
Is calling me home
Is calling me home

 

But like everything I've ever known
You'll disappear someday
So I'll spend
my whole life hiding my heart away
I can't spend my whole life hiding my
heart away"

publicado por Matt Xell às 14:59 link do post
26 de Junho de 2011

Uma música melancólica que não consigo deixar de ouvir.

Às vezes, é complicado largar o passado. Mesmo que essa pessoa já tenha seguido com a sua vida, não esquecemos o que passámos com ela.

 

"I hate to turn up out of the blue uninvited.
But I couldn't stay away, I couldn't fight it.
I'd hoped you'd see my face & that you'd be reminded,
That for me, it isn't over."

 

Mas às vezes, sabemos que temos de seguir em frente... O complicado é que por mais que tentemos e às vezes conseguimos encontrar outra pessoa, nunca iremos encontrar alguém como ela.

 

 

 

publicado por Matt Xell às 23:17 link do post
tags: ,
My playlists

Update: 10 músicas que transferi recentemente para o meu leitor de mp3

1. David Fonseca - All that I Wanted

2. Maroon 5 - Payphone

3. Taylor Swift - We are never getting back together

4. Fun - Some Nights

5. Michael Kiwanuka - Home Again

6. Christina Perry - A Thousand Years

7. Florence & The Machine - Shake it out

8. Keane- Silenced by the night

9. Gotye - Somebody that I used to Know

10. Awol Nation - Sail

 

Setembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
subscrever feeds
mais sobre mim
Contactos

Perfil Facebook

links
Os meus filmes

Filme Favorito

Clube dos Poetas Mortos

Update: Último filme que vi no cinema...

Patrulha de Barro

Nota: ***

Último filme em DVD que vi...

Os Vingadores

As minhas séries de TV

Série Favorita de todos os tempos

Friends

Update: Séries que estou a ver...

- Sangue Fresco

- A Teoria do Big Bang

- Foi assim que aconteceu

Séries que estou a descarregar da Net...

The Voice- Season 3

Guilty Pleasure

Glee

Os meus livros

Último Livro que li

O mar de Ferro - George R. Martin

Update: Livro que estou a ler

A Rapariga que sonhava com uma lata de gasolina e um fósforo- Steig Larsson

Próximo livro na minha mesa de cabeceira

A Dnça dos Dragões- George R. Martin

blogs SAPO