I Can See You
As minhas músicas, os meus pensamentos, as minhas reflexões...
10 de Abril de 2011

Quantas vezes não encontramos um livro que não conseguimos deixar de parar de ler?

Foi o que me aconteceu com o "Anjo Caído" da Lauren Kate.

 

A premissa na sinopse é esclarecedora: "E se a pessoa que lhe estava destinada nunca pudesse ser sua?"

 

Aqui acompanhamos a história de Luce, uma adolescente com um passado misterioso que é enviado para um colégio privado muito especial, onde estaria privada de ter contacto com a melhor amiga e com os pais e onde teria de começar de novo e aprender a sobreviver, sem ideia do que lhe poderia acontecer.

Mas começa a adaptar-se ao colégio, com a ajuda de umas amigas novas. Mas no primeiro dia, dois rapazes muito misteriosos chamam a sua atenção. Um dos rapazes, Cam, procura insistentemente a sua companhia enquanto que o outro, Daniel, parece querer exactamente o contrário.

E aqui está a base de uma história de amor, que apesar de alguns elementos sobrenaturais e míticos, não deixa de ser esssencialmente uma história de amor. Uma rapariga que se interessa pelo rapaz que mostra querer algo com ela, mas que não consegue deixar de pensar no outro rapaz que a ignora e com o qual sente que existe qualquer coisa que os liga, mesmo não sabendo o quê. E um rapaz que tem um passado misterioso, e que mesmo sabendo que está destinado a ficar com alguém para sempre, sabe que não pode ficar com ela, pois caso o faço, algo de mal acontecerá com ela. É o eterno sacrifício que sabe ele terá de fazer, mas por mais que o tente evitar, os dois são atraídos um para o outro, e terão de enfrentar as consequências...

 

Adorei o livro e não consegui parar de ler. Um livro que nos prende do início ao fim, pois para além da história de amor, inclui também um lado mitológico e um mistério que nos fazer querer continuar a ler o livro.

 

 

 

 

 

publicado por Matt Xell às 13:50 link do post
24 de Dezembro de 2010

Li no passado fim de semana o livro "Um dia" de David Nichols.

 

A premissa é simples: Um rapaz e uma rapariga encontram-se no último dia de faculdade, antes de seguirem vida separadas.

Criam nesse momento uma amizade que é acompanhada ao longo dos anos. Mas ao contrário da cronologia normal dos livros, aqui acompanhamos a sua relação apenas um dia por ano(sempre no mesmo dia) . E tal como na vida real, a amizade passa por muitas fases distintas. O que cada um não sabe é os sentimentos que cada um nutre pelo outro desde o primeiro dia em que se encontraram...

 

Adorei o livro e as personagens principais: Emma e Dexter. Acompanhamos as suas vidas ao longo dos anos e começamos a apegar-nos às personagens e queremos que eles fiquem finalmente juntos... Mas tal como na vida real, nem sempre duas pessoas que gostam uma da outra, ficam juntas...

Comecei a ler e não consegui parar até o acabar... Um dos melhores livros que li nos últimos tempos

 

publicado por Matt Xell às 12:02 link do post
11 de Setembro de 2010

Li nas férias o romance Jane Eyre da Charlotte Bronte e gostei imenso. É um daqueles livros clássicos que retrata a típica  sociedade inglesa da época e que conta a história da pequena Jane Eyre e a forma como ela conseguiu ultrapassar os vários obstáculos que surgiram na sua vida, mesmo tendo em conta o seu estatuto social.

 

Quando o filme deu em Agosto na TV Cine, tive curiosidade de ver este filme de 1996. Mas sempre com aquele pessimismo associado à adaptação de grandes livros ao cinema, pois nunca corresponderam às minhas expectativas. Gosto imenso de ler e gosto imenso de ver filmes, mas infelizmente as adaptações que vi ficaram sempre aquém das expectativas.

 

Mas o elenco parecia bom, com o William Hurt, a Charllotte Gainsbourg e a Anna Paquin. O que vos posso dizer é que gostei do filme, que respeita muito o enredo do livro. Mas claro que nem tudo passou para o grande ecran, o que para quem não tivesse lido o livro não faria grande diferença para seguir o filme, mas que para quem leu, fica sempre a sensação de algo que falta algo, principalmente, na parte final. 

 

É essa a grande magia dos livros: quando lemos, criamos a nossa própria história e envolvemos-nos mais emocionalmente com os personagens, o que nem sempre acontece com os filmes.

 

 

 

Mas recomendo o filme, que também encontrei na net:

 

 

publicado por Matt Xell às 21:00 link do post
07 de Setembro de 2009

 

Soube que estreou agora nos Estados Unidos a adaptação de um livro que li há uns meses atrás: "Time Traveller's Wife" de Audrey Niffenegger, editado em Portugal como título de "A Mulher do Viajante no Tempo" pela Editorial Presença.

 

 

Acho que foi um livro que passou despercebido quando foi lançado por cá, mas que essencialmente fala da incrível história de amor entre Clare e Henry. Devido a uma disfunção genética, Henry viaja no tempo para o passado e o futuro sem qualquer controlo da sua parte... Mas quando conhece Clare, vê-se envolvido numa relação em que ambos têm de passar por muito para conseguirem estarem juntos...

 

Foi um livro que adorei... No início a história era um pouco confusa para mim, mas depressa me habituei aos aos saltos temporais. É daqueles livros que uma pessoa quando começa a ler, não consegue deixar de ler até acabar.

Para quem não tenha lido o livro, trata-se de "um livro inesquecível pela qualidade das reflexões que provoca, pela sensibilidade com que nos retrata a luta pela sobrevivência do amor no oceano alteroso do tempo".
Recomendo-vos a lerem este livro e se forem muito emotivos, com uma caixa de lenços ao lado...

 

Mas soube há pouco tempo que o filme com a adaptação do filme tinha estreado nos EUA. Pela experiência, imagino que se for ver o filme quando estrear em Portugal (Fevereiro de 2010), vou sair desapontado... Infelizmente, nenhum dos últimos livros que li e foram adaptados para o grande ecrã, corresponderam às expectativas...

É completamente diferente ver um filme que é uma adaptação de um romance se o tivermos lido antes ou só formos ler o livro depois de ver o filme... Neste caso, aconselho-vos a lerem o livro antes do filme estrear...

 

 

 

Só para adoçar um pouco a curiosidade, junto deixo o trailer do filme com a nova música dos Lifehouse que faz parte da Banda Sonora.

 

Trailer

 

 

 Se entretanto já tiverem lido o livro, deem também a vossa opinião.

publicado por Matt Xell às 23:36 link do post
My playlists

Update: 10 músicas que transferi recentemente para o meu leitor de mp3

1. David Fonseca - All that I Wanted

2. Maroon 5 - Payphone

3. Taylor Swift - We are never getting back together

4. Fun - Some Nights

5. Michael Kiwanuka - Home Again

6. Christina Perry - A Thousand Years

7. Florence & The Machine - Shake it out

8. Keane- Silenced by the night

9. Gotye - Somebody that I used to Know

10. Awol Nation - Sail

 

Setembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
subscrever feeds
mais sobre mim
Contactos

Perfil Facebook

links
Os meus filmes

Filme Favorito

Clube dos Poetas Mortos

Update: Último filme que vi no cinema...

Patrulha de Barro

Nota: ***

Último filme em DVD que vi...

Os Vingadores

As minhas séries de TV

Série Favorita de todos os tempos

Friends

Update: Séries que estou a ver...

- Sangue Fresco

- A Teoria do Big Bang

- Foi assim que aconteceu

Séries que estou a descarregar da Net...

The Voice- Season 3

Guilty Pleasure

Glee

Os meus livros

Último Livro que li

O mar de Ferro - George R. Martin

Update: Livro que estou a ler

A Rapariga que sonhava com uma lata de gasolina e um fósforo- Steig Larsson

Próximo livro na minha mesa de cabeceira

A Dnça dos Dragões- George R. Martin

blogs SAPO