I Can See You
As minhas músicas, os meus pensamentos, as minhas reflexões...
25 de Fevereiro de 2012

Por mais que gostemos de alguém, há alturas em que sabemos que temos de seguir em frente com a nossa vida. Não existe grande coisa a dizer quando ela está verdadeiramente apaixonada pelo seu namorado e por mais que a amemos, sabemos que ela nunca sentiu o mesmo por nós. A única coisa que podemos fazer é continuar a ser amigos dela e te-la na nossa vida. Pois por mais que quiséssemos que ela fosse a tal, queremos ainda mais a amizade dela. Ela é daquelas pessoas em que sabemos que podemos confiar totalmente, agora e no futuro, e por isso mesmo quando encontrarmos outra pessoa que preencha o vazio no nosso coração, ela terá sempre parte na nossa vida e sabemos que poderemos sempre desabafar com ela.
 
Por isso, neste momento, mais do que o amor dela, queremos a amizade dela, e estarmos presente para ela quando ela mais precisar de um ombro amigo ou de alguém com quem desabafar. E o nosso maior receio é que ela se afaste de nós, de uma forma inconsciente, pois tem tanta coisa a decorrer ao mesmo tempo e está numa pressão tal neste momento da sua vida para agradar a toda a gente, que acaba por ter menos tempo para nós, pois não somos assim tão importantes para ela.
 
Mas nós compreendemos a situação e estamos é tristes por ela, pois vemos que ela está num momento da sua vida em que mostra sinais de não estar bem. Por mais que ela diga que está bem e não se sente triste, vemos que ela está a afastar-se silenciosamente e devagarinho da vida que ela tinha antes, sem grande alarido, pois ela tenta fazer tudo pela família, namorado e amigos, sem pensar nela própria. Isso faz com que ela acabe por às vezes querer algum tempo só para ela e com o desejo que nesse tempo não seja encontrada por ninguém.
 
Sentimo-nos preocupados com ela, mas temos receio de lhe dizer algo, pois temos medo de a afastar, pois sabemos que ela está precisar de algum espaço para ela própria na sua vida. Por isso, aquilo que podemos fazer é não pressioná-la e dar-lhe todo o nosso apoio para que ela saiba que nós estaremos lá, quando ela mais precisar e quiser desabafar com alguém. Pois o nosso maior receio é mesmo que ela se afaste de nós e saia devagarinho da nossa vida, pois a amizade dela é importante para nós e não queremos fazer nada que afecte isso.
 
 
"There's really not so much to tell.
She was 29, showing signs of doing well
For herself.

She never spoke of feeling sad.
Was, oh, so close with the family and friends
she had around her.

But she went quietly
She didn't make a sound
She went quietly
With the wish not to be found

She went quietly
Without a word of where
Just a note that wrote:
"Forgetting is easier"..."
 
 
 
 
 
 
publicado por Matt Xell às 10:01 link do post
18 de Fevereiro de 2012

Quando amamos alguém que é feliz com o seu namorado, temos de seguir em frente com a nossa vida. Mas quando achamos que o estamos a conseguir, por vezes acontece algo que nos faz aperceber que afinal ainda não a esquecemos.
 
Por mais que o queiramos evitar, há situações que nos fazem perceber a falta que ela faz na nossa vida. Quando queremos falar com ela e ela não tem tempo para nós, por vezes fazemos algo que não devíamos e acabamos por a afastar temporariamente. E sabemos que cometemos um erro, pois o silêncio dela afecta-nos mais do que esperaríamos, pois achávamos que já a tinhamos esquecido. Compreendemos que ela tem outras prioridades, mas mesmo assim, ansiamos desesperadamente que ela tenha novamente tempo para nós conversarmos como antes.
 
E neste momento, apenas vemos a sua linda cara nos nossos sonhos, pois a vida dela está tão ocupada que não tem nenhum tempo livre para nós. E compreendemos que a vida dela está tão complicada neste momento, que não precisa que a compliquemos mais. E esperamos que possamos conversar novamente, mas até lá, estamos a sofrer mais do que queríamos, pois sentimos mesmo a falta dela.
Tentámos enganar-nos a nós próprios e dizer-nos que tínhamos seguido em frente. E se ela nos perguntasse como estávamos, diríamos que estávamos bem e que ela já não estava na nossa mente, pois era realmente isso que acreditávamos. Mas há alturas em que o silêncio dela nos faz força a aceitar a realidade de que afinal não a esquecemos.
 
E que independentemente do que os outros digam, infelizmente ainda sentimos algo por ela. Apesar dela nos fazer sofrer o coração por estar com outra pessoa, mesmo assim achamos que ela continua a ser a pessoa perfeita para nós. Queríamos seguir em frente, mas ela acaba por nos puxar novamente para a nossa angústia. E sentimo-nos um boomerang, pois por mais que nos atiremos em frente para a nossa vida, há algo que nos acaba por trazer de volta a ela, por mais que o quisessemos evitar.
 
E sentimo-nos neste estado de indecisão, pois por mais que quisessemos seguir em frente e achávamos que íamos encontrar outra pessoa que a fizesse esquecer, a vida acaba por nos provar que nem tudo corre como nós queríamos. Pois ainda não a esquecemos...
 
 
 
Dreams, that's where I have to go
to see your beautiful face anymore
I stare at a picture of you and listen to the radio
Hope, hope there's a conversation
where we both admit we had it good but
until then it's alienation, I know, that much is understood
And I realize

If you ask me how I'm doin I would say I'm doin just fine
I would lie and say that you're not on my mind
But I go out and I sit down at a table set for two
and finally I'm forced to face the truth
No matter what they say, I'm not over you
Not over you

Damn, damn girl you do it well
And I thought you were innocent
You took this heart and put it through hell
But still you're magnificent
I I'm a boomerang doesn't matter how you throw me
Turn around and I'm back in the game
Even better than the old me
But I'm not even close without you

 
 
 
 
 
 
publicado por Matt Xell às 10:05 link do post
14 de Fevereiro de 2012

"Tu não sabes quem eu sou, mas eu sei quem tu és... e só preciso de um minuto da tua atenção.

Quero dizer-te que espero que saibas a sorte que tens. O quanto eu gostaria de estar na tua pele. Poder estar na mesma cama que ela todas as manhãs. Ajudá-la a acordar da má disposição matinal.

Espero que saibas que ela só vai falar contigo depois de lavar os dentes. Não é por mal... é por medo de perder o encanto aos teus olhos. Que a consideres um ser humano comum.
Espero que saibas que ela gosta de aproveitar cada raio de sol, e que o café a deixa mal disposta.

Que escolhe a roupa que vai vestir na noite anterior, só para poder ter mais cinco minutos de sono pela manhã. Que o despertador toca cinquenta vezes até que se levante, e que mesmo assim, consegue chegar a horas.

Quero também que saibas que adora histórias do fantástico. Mas não de terror! Que é capaz de saber o nome de todas as personagens de um livro antigo, mas que não se vai esforçar para decorar à primeira os nomes de todos os teus amigos...
Porque ela... ela é que sabe de si.

Tu nunca serás uma sorte para ela. Sorte é poderes tê-la na tua vida.
Sabes?
Ela não é romântica por natureza, mas uma demonstração espontânea da tua parte vai fazê-la fraquejar. Porque ela é segura e doce ao mesmo tempo.

Ela não sabe cozinhar, mas vai esforçar-se para fazer o teu prato preferido. E se estiver mau, vai rir-se do falhanço, em vez de corar.

E quando ela ri... eu tenho vontade de chorar. Não de tristeza, mas porque cada gargalhada é uma nota musical que toca ao coração e faz querer dançar.

Quero que saibas que ela é tudo o que quero e nunca soube que tive.

Aprende que a arritmia que sentes com ela é normal! E que a falta dela é um vazio igual à morte.

Espero que sejas tudo o que eu nunca fui.
Espero que a trates bem.
Porque se lhe partires o coração vais perdê-la para sempre. "

 

publicado por Matt Xell às 23:59 link do post
11 de Fevereiro de 2012

Às vezes, queríamos que a pessoa de quem gostamos sentisse o mesmo por nós. Mas sabemos no nosso íntimo que isso não é a realidade.

Mas pelo facto de termos sentido algo por ela, acreditamos sempre que ela nos diz que arranja um tempo para nós. Apesar de sabermos que o pouco tempo livre dela é passado com o seu namorado.

Mas continuamos sempre a acreditar quando ela nos diz que arranja tempo para nós, e por mais que ela quebre essas promessas, continuamos sempre esperançosos de que no futuro a promessa seja cumprida. Porque por mais que nos sintamos tristes por ela por vezes nos ignorar, gostamos de falar com ela e de desabafar com ela e sentimo-nos felizes quando ela finalmente arranja tempo para falar connosco. 

Mais do que o amor dela, não queremos perder a amizade dela, pois confiamos nela e queremos que ela confie em nós. O amor pode desaparecer com o tempo, mas a amizade pode durar para sempre.

 

Por isso, continuamos a aguentar as desfeitas que ela nos faz continuamente pois faz-nos promessas que não cumpre e mesmo quando nos fala, o faz de forma rápida para depois desaparecer. Pois sabemos que ao contrário do que gostaríamos, não somos uma pessoa importante na sua vida. E compreendemos que por vezes isso faça com que ela nos ignore ou nos minta... e compreendemos que ela aproveite o pouco livre que tem com outras pessoas, pois o mais importante para nós é que ela seja feliz.

 

 

"You come off like a white knight
Always honest always right
You come off
like a brave soul
Truthful and noble
And then you go

And
lie to me

Lie to me
Make me promises you can't keep.
Lie to me

Lie to me
Why you always lie to me?

Every time that we speak
I get dizzy

I get weak
You don't know the things you say
You're quick to talk then walk away..."

 

 

publicado por Matt Xell às 23:35 link do post
05 de Fevereiro de 2012

É nas alturas em que não temos a pessoa que amamos na nossa vida, que nos sentimos em baixo. Temos aquela sensação de que nada do que fazemos está correcto e sentimos que caímos e temos de nos por novamente de pé.

Mas há um momento em que nos fartamos de esperar por ela e que nos fartamos de ser ignorados por ela constantemente. E sabemos que merecemos alguém melhor do que ela na nossa vida e que precisamos de encontrar algo que preencha o nosso coração.

E sabemos que apenas o amor conseguirá fazer isso. Pois o facto do nosso coração estar a sofrer é sinal que queremos algo para o nosso futuro e é um sinal de que não estamos conformados com o que temos e que queremos sair deste estado em que estamos.

 

E passado algum tempo, começamos a ficar mais animados, pois estamos cada dia a sofrer menos, pois estamos cada vez mais com esperança de encontrar outra pessoa que traga a luz de novo para a nossa vida. E estamos novamente preparados para deixar entrar o amor na nossa vida, pois todos queremos encontrar alguém que nos oiça quando precisamos, alguém que não nos ignore, alguém que confie em nós e alguém que desabafe connosco. E quando percebemos que a pessoa que amamos não é a pessoa que pensávamos, estamos finalmente preparados para encontrar outra pessoa... e deixar o amor entrar na nossa vida....

 

 

"We are falling down again tonight
In this world it's hard to get it right
Try to make your heart fit like a glove
What it needs is love, love, love

Everybody, Everybody wants to love
Everybody, Everybody wants to be loved

 

Happy is the heart that still feels pain
Darkness drains and light will come again
Swing open up your chest and let it in
Just let the love, love, love be-gin

 

Oh everybody know the love
Everybody hold the love
Everbody folds for love

Everybody feels the love
Everybody steels the love
Everybody heels with love"

 

publicado por Matt Xell às 12:32 link do post
01 de Fevereiro de 2012

Quando alguém nos parte o coração, precisamos de alguém que cole os pedaços, por forma a que voltemos finalmente a ser felizes.

É sempre complicado quando a pessoa que amamos nos ignora e não nos responde, e nem tem noção de quanto isso nos magoa por dentro.

E é por isso que sabemos que temos de seguir em frente e encontrar outra pessoa, pois estamos cansados de sofrer em silêncio. Sentimos o nosso mundo a fechar e sentimos que estamos a ficar presos num buraco de onde temos que sair.

 

E quando chega ao ponto dela não ter já tempo nem para ser nossa amiga, pois apenas pensa no seu namorado, não nos sentimos zangados com ela. Compreendemos a situação e estamos felizes por ela, mas mesmo ela não tendo a culpa, começamos a sentir a necessidade de sair deste estado em que estamos por culpa dela. Sentimo-nos no fundo e sabemos que o tempo nos irá ajudar a encontrar uma pessoa que realmente se preocupe com nós.

E só esperamos que chegue esse momento em que as coisas irão começar a melhorar, pois sentimos que toda a nosa vida está errada tal como está. Mas parece-nos tão complicado que isso aconteça. Mas nem sempre ficamos com a pessoa certa para nós e a vida encarrega-se de nos trazer alguém que possa preencher o vazio na nossa vida.

 

 

"My heart is broken
Somebody fix it
My walls are closing in
Caught in a deep hole

Stuck at the bottom
Trying to reach for help
Slow the clock that's ticking loud
I feel that time is running out
And all that's left to do is let it wind down

 

Where do I even start
To pick it up when it's falling apart?
Where do I even start?
Why does it seem so hard?"

 

 

 

 

publicado por Matt Xell às 00:01 link do post
My playlists

Update: 10 músicas que transferi recentemente para o meu leitor de mp3

1. David Fonseca - All that I Wanted

2. Maroon 5 - Payphone

3. Taylor Swift - We are never getting back together

4. Fun - Some Nights

5. Michael Kiwanuka - Home Again

6. Christina Perry - A Thousand Years

7. Florence & The Machine - Shake it out

8. Keane- Silenced by the night

9. Gotye - Somebody that I used to Know

10. Awol Nation - Sail

 

Fevereiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
15
16
17
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
subscrever feeds
mais sobre mim
Contactos

Perfil Facebook

links
Os meus filmes

Filme Favorito

Clube dos Poetas Mortos

Update: Último filme que vi no cinema...

Patrulha de Barro

Nota: ***

Último filme em DVD que vi...

Os Vingadores

As minhas séries de TV

Série Favorita de todos os tempos

Friends

Update: Séries que estou a ver...

- Sangue Fresco

- A Teoria do Big Bang

- Foi assim que aconteceu

Séries que estou a descarregar da Net...

The Voice- Season 3

Guilty Pleasure

Glee

blogs SAPO